Serra do Corvo Branco - Tudo é uma viagem

Post Top Ad

sábado, 22 de abril de 2017

Serra do Corvo Branco

A Serra do Corvo Branco não é pros fracos. E lá onde ficamos hospedados conversamos com 2 rapazes que tinham subido por Bom Jardim da Serra e a maioria dos trechos subiram em pé na moto.
E que indo de Urubici pra lá estava bom.
A estrada é uma coisa medonha, só tem asfalto lá em riba... no topo, e nas piores curvas. Menos mal né?
Que nada, achei ela mais assustadora que a Serra do Rio do Rastro.
Mas que visual, que beleza impar. Se perde, investe, tempo contemplando  essa maravilha da natureza.



Um dos pontos mais característicos da estrada é a garganta, onde a estrada corta dois paradões de pedra paralelos, com cerca de 90m cada. O trecho, segundo informações passadas pela Prefeitura de Urubici, é considerado o maior corte em rocha arenítica do Brasil.  Matéria do site G1.


Descemos algumas curvas da serra pra olhar sem tanta muvuca, ô gentarada por lá...
Mas vou te dizer, por mim, tinha voltado de pé mesmo... mas pulei na garupa e subi a morreba chamando por tudo que é santo!



Depois na internet vi muita gente reclamando da estrada, que correram risco de morte de tão terrível que tá a estrada, mas já tô em casa de boa, então tá tudo certo!
E super valeu conhecer a Serra, como não faço tanta questão da estrada, não vejo problema algum conhecer sem precisar subir pelo pior trecho.

Para ver mais fotos de nossa viagem, clique aqui.
Data do passeio: 22.04.2017