Presídio do Fim do Mundo e Museo Marítimo - Tudo é uma viagem

Post Top Ad

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Presídio do Fim do Mundo e Museo Marítimo

E lá fomos nós visitar o Presídio do Fim do Mundo...
Em 1896 chegaram os primeiros delinquentes em Ushuaia, foram 14 presidiários reincidentes que ficavam em casas de madeira e chapa. Conta a história que a ideia era colonizar com presidiários e foi que então enviaram mais 11 homens e 9 mulheres. 
O Presídio Nacional começou a ser construído em 1902, no mesmo local onde já havia construções provisórias. A construção foi feita pelos próprios presidiários até 1920.

Ala superior - Museu Antártico

Chegamos no presídio era 17:30 a entrada custa 250 pesos por pessoa e é válido por 48 horas. Então poderíamos voltar ainda no outro dia.
No local tem várias exposições separadas em cada ala do presídio:  o Museu Marítimo de Ushuaia, Museu do Presídio, Galeria de Arte e Loja, já no primeiro andar o Museu Antártico e Museu de Aret Marinho.




Eles ainda conservam uma ala original do presídio e posso afirmar que até mesmo a energia do local parece original. Que lugar horripilante!! Sério gente, muito ruim aquela ala original.
Mas é lógico que não dá pra conhecer o prédio e ignorar essa parte, a história está impregnada nas paredes, no chão, no teto... e aqui, as dores, o choro, o sofrimento...

Ala original

Banheiros

Uma das partes que mais gostei foi na exposição temporária, que era só de bonecas. Uma lindeza atrás da outra.
A cereja do bolo nessa exposição é a boneca de porcelana feita na Alemanha em 1890 que ainda está com o vestido original e pertenceu a avó paterna da curadora da exposição.

Boneca de porcelana de 1980
Mas eu particularmente adorei encontrar tantas bonecas negras sendo que a mais antiga é de 1950 e foi fabricada na Argentina e está com a roupa original.

Boneca produzida na Argentina em 1950

Havia coleções de Barbie e outras com roupas típicas e de personagens animados.

Roupas típicas

Personagens

Barbie

Dentro do prédio fica o correio histórico, mas tinha acabado de fechar quando chegamos.
Ahh, e o carimbo que a gente ganhou lá acho que foi um dos mais legais! E não deixe de comprar alguma coisa na loja pra ganhar a sacolinha do presídio, é a coisa mais fofa do mundo!


O Presídio fica no final da rua principal e você pode ir a pé e não precisa de guia.
O museu conta com audioguia em diversas línguas, mediante pagamento de uma pequena taxa.
Passeio realizado em agosto de 2017.
Valor da entrada: 250 pesos.


Qualquer dúvida deixa aí nos comentários que a gente responde.

Acompanhe também pelo nosso Instagram.

Salve a imagem abaixo em seu Pinterest para voltar sempre que quiser.